Wagner Cassimiro
View Wagner Cassimiro's profile on LinkedIn

Série Suceg – Profª Patrícia – 1 | 3 – Universidade Corporativa em Rede

Olá estou aqui com a Professora Patrícia de Sá Freire para falar sobre Universidade Corporativa em Rede. Eu sou o Wagner Cassimiro e este é o Espresso3.

Professora, o que é uma Universidade Corporativa em Rede?

A Universidade Corporativa em Rede é um modelo de apoio à implantação, gerenciamento, institucionalização das Universidades Corporativas e Escolas de Governo numa metodologia em rede. Parar de trabalhar só focado no ambiente interno e trabalhar com seus stakeholders também externos.

Porque as organizações estão buscando se organizar em redes?

É um desafio hoje internacional das universidades corporativas e escolas de governo focarem não somente para o público interno, mas também para os stakeholders externos.

Este é um desafio universal. As organizações têm que ser mais estendidas, começar a trabalhar uma gestão do conhecimento interno e externo em prol de uma maior efetividade, da melhoria de seus processos e o encontro dos resultados.

E geralmente são do mesmo setor? Me conta um pouquinho sobre isto.

O estar em rede, por exemplo, no Brasil nós temos o desafio inclusive de aprender a trabalhar em redes internas, interdepartamentais. As redes são tanto a nível interno, como eu falei, este aprender a se comunicar e a gerar parcerias internas, como externas, interinstitucionais, interorganizacionais em prol de um objetivo maior. Quando estamos falando de organizações públicas, estamos falando de entregas, de resultados, atendimento das expectativas da sociedade. Quando estamos falando de empresas privadas, novos negócios, podem ser unidades de negócios estas universidades corporativas para a entrega de resultados.

Então as organizações podem se agrupar tanto em uma cadeia produtiva, como também por organizações que são semelhantes.

Com certeza. Vai depender, na verdade, do objetivo estratégico daquela organização. O que a Universidade Corporativa em Rede desafia, aborda, quer quebrar o modelo mental de olhar só para dentro. Agora, o mapeamento, a identificação dos stakeholders, conhecer as suas expectativas, conhecer as suas necessidades e quais são elas, quais são estes stakeholders depende do objetivo de cada organização. Podem ser stakeholders muito mais próximos, ou seja, para formar um capital de negócio, ou stakeholders mais afastados que formam nosso capital social.

Quais os principais benefícios da atuação em rede?

Um principal benefício de atuação em rede é realmente otimizar os esforços da própria academia, ou da própria Universidade Corporativa e Escola de Governo. Você em rede consegue identificar melhor seus objetivos e alcançá-los, você otimiza seus esforços. Tanto economicamente, de custos, quanto de obejtivo, estratégias em rede.

As Universidades Corporativas em empresas privadas podem atingir melhor não somente seus clientes atuais, mas sim sua clientela potencial e as empresas públicas, as organizações públicas é atingir as expectativas cada vez mais exigentes da sociedade.

Ok, obrigado!

Leia outros posts

Receba nossos Cafezinhos em seu email e também por Whatsapp!

Increva-se!

Nome

E-mail

Telefone

Como conheceu o Espresso3?

 

Inscreva-se!